quinta-feira, 17 de outubro de 2013

(NÃO) Ser negativa.

Sabe aqueles dias em que tudo parece dar errado? Onde até uma simples palavra, dita de forma errada incomoda? Pois é. Meus dias tem sido assim, meio turbulentos.
Ando mal-humorada e dois minutos depois estou contente. Contradigo minhas palavras com ações. Procuro defeitos e erros inexistentes e me frustro na falta deles. Tenho a solução para a maioria de meus problemas mas a preguiça me impede de coloca-la em prática.
Eu tenho um sério problema com meu peso. Parece um assunto fútil de qualquer adolescente de 16 anos, mas é mais do que isso. É um impedimento. Minha auto estima não é alta o suficiente para que eu acredite que mereça emagrecer. Mas nem tão baixa que eu não sinta a necessidade de faze-lo.
Confusa, complico coisas muito simples. Perdida, não sei que direção tomar.
Pra onde foi toda a minha positividade e a vontade de fazer as coisas darem certo? Fugir e desistir são o tipo de palavras que nunca estiveram no meu vocabulário.
Acredito que seja hora de refletir e recomeçar, ver onde está o erro. Me acalmar. E relaxar, porque tudo vai dar certo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário