domingo, 9 de março de 2014

Palavras poderosas

“Mude suas palavras, mude o mundo” Essa é a frase marcante que o autor Nelson Ferrão traz em um texto de sua coluna semanal. Esta, nos deixa pensando e refletindo. As palavras realmente tem poder?
Isso é inquestionável, especialmente para pessoas observadoras que estão atentas e cientes do que ocorre ao seu redor. Situações e situações se repetem, mostrando, afirmando veemente que sim, as palavras têm poder.  Mal entendidos são um grande exemplo. Se naquele momento as pessoas envolvidas mudassem as palavras ou as usassem com mais responsabilidade, talvez aquela discussão fosse dispensada.
Responsabilidade. Sim, foi isso mesmo o que quis dizer, afinal, se palavras tem poder, não devemos usa-las com imprudência.  Agora, encaixam-se pessoas impulsivas ou muito sinceras. Pessoas que falam sem pensar e muitas vezes, tem de conviver com a culpa dessas palavras. As vezes, aquela frase, por menor que seja, composta de duas ou três palavras, pode mudar uma vida.
No Direito por exemplo,  se um advogado não utilizar as palavras corretamente na petição inicial, pode mudar o curso do processo, ou até mesmo a sua decisão.  Se em um julgamento, as partes utilizarem as palavras erradas, podem ser mal interpretadas pelo juiz.
Logo, se sabemos que as palavras possuem tal força, porque falamos sem pensar? Ou até excluímos seu poder e simplesmente não utilizamos elas? Muitas coisas devem ser repensadas e refletidas, não só individualmente, mas em conjunto. É algo que deve ser treinado e cultivado. Encontrando assim, o equilíbrio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário